Nem mais...
Movimento "nova era" ou "new age" com seu panteismo e sincretismo não é mais do que ... "apenas" uma das faces do anticristo. A Maçonaria é outra delas, o islão (código de leis) idem, o marxismo e ideologias afins e sem fim (gayzismo, ateismo, ... ideologias da extinção do espírito, e do retorno ao selvagem, da subjectividade moral, etc), a visão materialista da história, assim como as inúmeras histórias que surgem aí e que se tornam autos de fé para quem os lê, como código da Vinci, Deus um delírio, os livros do José Rodrigues dos Santos .... tudo isto e mais uma número sem fim de subjectividades que corrompem estas criaturas ... que jazem no mundo como ovelhas sem pastor (outros não jazem, simplesmente escarnecem de nós os que temos fé e que, para eles, não passamos de uns retrógrados).
Todos eles lutam contra o Senhor da Vida, mas n'Ele ponho a minha esperança.

Muitos deles são ignorantes e se autointitulam de intelectuais, mas não passam de uns pobres coitados. Muitos deles cospem no prato que lhes deu de comer, e anunciam a boca cheia que não precisam de Deus para terem código moral....bah! Baseado em que? Subjectividade individual e colectiva?
O que é isso senão um sinónimo de caos e precipitação no abismo?

Côrte
Anónimo a 11 de Fevereiro de 2012 às 23:14

A New Age é apenas a concretização total da Gnose, a religião oculta da História e a principal inimiga de todos os tempos da Santa Igreja. A Gnose inclui todos os sistemas de crença idolátricas desde as filosofias orientais, passando pelo protestantismo e as "igrejas" ortodoxas, até o paganismo árabe refinado islâmico e a Maçonaria, que é pagã na sua essência cabalística.
De um lado está a Religião dos Filhos da Mulher (Nossa Senhora, mãe da Igreja) e, do outro, a religião dos Filhos da Serpente (a Gnose). A partir do momento em que Deus é relativizado devido à crença de que o Homem pode ser como Ele - a primeira tentação do Demónio foi precisamente esta, quando a serpente disse à Eva "sereis como Deus" se ela e o Adão comerem do fruto da árvore proibida -, torna-se desnecessário aceitar o sacrifício de Cristo como essencial para a salvação e isso é uma premissa gnóstica, ou seja, do Demónio.
FireHead a 12 de Fevereiro de 2012 às 14:26

Infelizmente são muitos os católicos que, na busca do Divino, caem nas armadilhas dessa New Age..., construindo uma "salada russa" de ideias e apelidando tudo com o mesmo nome: cristianismo/catolicismo... Muitos não será por mal... Quem sabe o que está verdadeiramente a fazer - destruir a Igreja de Jesus Cristo e perder os fieís - é não será ignorante...
Mariam a 17 de Fevereiro de 2012 às 00:09

Mariam,

Assim eles não são católicos de verdade, mas sim falsos católicos. Ou sé é católico de verdade ou não se é. Como está escrito no livro do Apocalipse 3:16, "Assim, porque és morno, e não és quente nem frio, vomitar-te-ei da minha boca."
A Gnose prega que o Homem tem uma parte divina dentro dele e que pode aspirar a juntar-se à divindade através da libertação da matéria.
FireHead a 17 de Fevereiro de 2012 às 02:28

Acredito que muitas pessoas, aspirando aos bens superiores, sob uma pseudo verdade que supostamente busca a união com Deus, ignoram que toda a vida de um Católico está centrada em Jesus Cristo, verdadeiro Deus e verdadeiro Homem: o "Logos" feito carne, um Deus sempre, e verdadeiramente, muito humano.
Mariam a 17 de Fevereiro de 2012 às 14:17

Mariam, essa gente simplesmente sucumbiu à primeira tentação do Demónio que surgiu quando a serpente disse assim a Eva: "sereis como deuses". É por isso que a Igreja Católica é a Religião dos Filhos da Mulher e a Gnose é a Religião dos Filhos da Serpente.
FireHead a 18 de Fevereiro de 2012 às 03:47