«Seibo no Kishi» (Cavaleiro da Imaculada)
15
Jun 12
publicado por FireHead, às 02:19link do post | Comentar | Ver comentários (2)

A encarnação de Jesus não baniu o pecado da história humana. Embora ela se tenha constituído na possibilidade concreta de superação do pecado, muitos ainda haveriam de resistir, preferindo um projecto de vida cujo desfecho é a condenação. Por outro lado, a quem optasse por Ele, o Messias não apresentava uma vida de segurança e de comodidade.

A resistência que Jesus experimentou por parte dos Seus contemporâneos teve prosseguimento na experiência dos discípulos. A opção pelo caminho de Jesus exigia força e coragem diante das perseguições, dos flagelos, dos processos nos tribunais que os inimigos de Deus haveriam de impingir aos seguidores do Seu Filho. Como Jesus, o discípulo seria também a presença questionadora da salvação na história humana, embora muitos iriam persistir no caminho do pecado.

A história da Fé Cristã, por isso, estava fadada a ser uma história de martírio e de testemunho da Fé, pela entrega corajosa da própria vida. Por conseguinte, o discípulo deve considerar estas circunstâncias como possibilidade de comprovar a profundidade da sua opção pelo Reino anunciado por Jesus.

 

Pe. Jaldemir S. J.

tags:

Junho 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
14

23



Links
Pesquisar blogue
 
subscrever feeds
blogs SAPO