«Seibo no Kishi» (Cavaleiro da Imaculada)
20
Abr 12
publicado por FireHead, às 02:02link do post | Comentar
Bento XVI atravessa a Praça de São Pedro no dia do seu aniversário

 

O Papa está atento à actualidade, aos "problemas das pessoas", da crise económica à crise de valores, garante o número dois do Vaticano.

 

No 7.º aniversário da eleição do Papa Bento XVI, o secretário de Estado Tarcisio Bertone assegura que o Sumo Pontífice "confronta os problemas do mundo e das pessoas", "do emprego à crise económica e, sobretudo, à crise dos valores", escreve o cardeal num artigo publicado hoje no Il Messagero.

"Aqueles que querem ver o Papa unicamente concentrado sobre os livros e desfasado dos problemas reais das pessoas cometem um erro crasso de análise", escreve Bertone.

Bento XVI é o Papa mais velho em funções desde Leão XIII, falecido em 1903 com 93 anos. O novo ano de pontificado poderá ficar marcado pelo acordo com a Fraternidade Sacerdotal São Pio X, o grupo integrista fundado em 1970 por monsenhor Marcel Lefebvre e separado, de facto, de Roma desde 1988.

Nos últimos dias surgiu "uma evolução encorajadora", disse ontem o porta-voz do Vaticano, Federico Lombardi. "Tivemos uma resposta efectivamente diferente das precedentes" e, esta uma vez analisada, o Papa tomará uma decisão final, possivelmente no final deste mês.

Por outro lado, o Vaticano considerou sem fundamento rumores surgidos nos dias mais recentes, a coincidir com o 85.º aniversário de Joseph Ratizinger na segunda-feira, dando como provável o seu abandono do cargo a curto prazo.

O porta-voz do Vaticano garantiu que, apesar de cansado, Bento XVI não tem intenção de abandonar os seus deveres, como aliás o tornou claro no dia anterior ao seu aniversário, ao pedir que "rezem por mim" para "que o Senhor me dê forças para cumprir a missão que me foi confiada".

 

 

Fonte: Diário de Notícias


Abril 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10

16
17

22
28



Links
Pesquisar blogue
 
blogs SAPO